Revista Mandala

Menos drogas, mais meditação: uma nova geração da cultura hippie

O fotógrafo Steve Scaphiro registrou os chamados neo-hippies em festivais de música e comportamento.

Compartilhar

O fotógrafo Steve Schapiro ficou conhecido mundialmente por registrar, na década de 1960, o movimento da cultura hippie dos Estados Unidos, que emergia em seu momento marcante. Agora, 50 anos depois e em parceria com o filho, Theophilus Donoghue, ele registrou novos hábitos e objetivos desse grupo: ao que tudo indica, os hippies de hoje estão mais interessados em práticas como yoga e meditação do que nos efeitos psicodélicos e as viagens mentais proporcionadas por drogas químicas.

As imagens, captadas em festivais de música e comportamento, deram origem ao livro Bliss: Transformational Festivals and the Neo-Hippie (em português, algo como “Êxtase: festivais de transformação e os novos hippies”). Confira alguns dos registros:

81-jpg-crop_-original-original-e145565762477563-jpg-crop_-original-original-e14556576191764-3-e14556576134573-2-e14556576082111-3-e1455657565110
2e24e45700000578-3306317-image-a-3_14467860464032e26e6f400000578-3306317-image-a-20_1446774403951139-bliss-980x1472562e366b54458-e1455657647464
562e366cd04f9-e1455657398309562e366c3387b-e1455657388352186-jpg-crop_-original-original-e1455657637256182-jpg-crop_-original-original-e14556576299311-jpg-crop_-original-original-e1455657603590

Todas as imagens acima são de © Steve Schapiro.

Edmar Borges

Jornalista latino-americano sem dinheiro no banco nem parentes importantes, ilustrador vindo do interior de Minas Gerais. Acredita que um dia a tecnologia e a espiritualidade vão ter uma linda prole. Você também me encontra em omxxnamashivaya.tumblr.com

Comentar

Assine nossa news!

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.